Hoje, quero apresentar uma postagem especial. O livro: Namoro é coisa séria, do autor Rodrigo Quirino.
Quero agradecer a minha amiga, Nanda Meireles, que me emprestou. E estou aqui, somando minha opinião e quem sabe, acrescentando um pouco mais de conhecimento a nossa juventude.
1ª Edição 2010 / 100 pág.
Sinopse: Vivemos um tempo em que é necessário posicionarmo-nos perante as coisas de Deus. Não dá mais para ficar “em cima do muro”. Ou somos de Cristo, ou somos do mundo, e se somos de Cristo temos que lutar contra o pecado. Permita que durante a leitura o Espírito também ministre em seu coração direcionando-o a toda verdade. Peça ao Senhor que sonde o seu coração para que Ele mostre a você aquilo que há de errado no seu caminho. Que Deus possa falar ao seu coração, porque tendo a sabedoria Dele seu namoro será maravilhoso. “Namoro é coisa séria”, escrito numa linguagem clara e direta, é um verdadeiro manual de como namorar sem dar trela para o pecado. Sua leitura ajudará aos que, sinceramente, estão preocupados em levar a sério os padrões de integridade e espiritualidade, indispensáveis para adolescentes e jovens que desejam ser vitoriosos e felizes sem marcar bobeira no namoro.

Skoob do livro:

O livro narra de uma forma direta e simples, questões importantíssimas que envolvem o namoro entre adolescentes e jovens.
Rodrigo conseguiu resumir de uma forma muito sensata, praticamente tudo que um jovem precisa e deve saber sobre o namoro. É uma leitura rápida e leve, o livro é muito bem diagramado, e a leitura fluiu, quando percebi já tinha terminado de ler.

Trabalho junto com meu esposo, há mais de 10 anos, com aconselhamento para jovens. Isso não vem de agora, sempre fui a "conselheira" das minhas amigas, e quando me casei, logo nos encontramos na posição de conselheiros, já que meu esposo sempre teve palavras sábias em seus lábios. Então não foi estranho e nem inusitado, logo no início do casamento, já estarmos naquela posição, aconselhando adolescentes e jovens. Éramos novos, tinha apenas 18 anos e ele 21. Mas, sempre acreditei, que tínhamos algo que atraía a confiança deles.

Nesse tempo, o que mais temos visto, é que o namoro entre adolescentes e jovens, sempre esbarra na palavra sexo. É impressionante que muitos pais não tenham ainda um diálogo aberto com seus filhos, que por sua vez, se sentem constrangidos e preferem buscar "conselhos" entre os amigos. Meu filho tem apenas 4 anos, mas sabemos que chegará o momento que teremos que conversar com ele sobre o assunto. A função dos pais não é apenas educar, é ser amigos conjuntamente. Encontramos também com muitos pais, que exercem esse papel, e mesmo assim não conseguem aconselhar os filhos ao ponto deles não fazerem "besteiras". 

O que quero dizer com isso, é que muitos na nossa juventude, se esqueceram de antigos e preciosos valores. Os conceitos ricos de família foram esquecidos. O sexo tornou-se algo desenfreado entre a juventude, é normal, como muitos pensam, todos fazem. Não ligo de ser considerada arcaica, mas entre os valores que o mundo tem ensinado, e os que lá no início de tudo Deus deixou expresso, eu fico com eles, e assumo que sou antiquada. Porque o que encontramos depois nas salas de aconselhamento, são jovens feridos, meninas com o coração partido, machucadas em suas emoções. A camisinha infelizmente, nunca foi e nunca será uma maneira de "proteger" suas emoções. Como amamos toda a juventude, sabemos o quanto dói ajudar aquele garoto, aquela garota ferida nas suas emoções, à se levantar e continuar. Talvez você pense: isso nunca me aconteceu. Será mesmo? E se ainda sim for, acha mesmo que será sempre assim? 
Jovem, adolescente: tudo tem seu tempo. Guarde seu coração, lembre-se dos conselhos de seus pais. Prolongue seus dias na Terra, honre-os. 

O livro não trata de um assunto religioso, mas de valores, família, que infelizmente tem caído no esquecimento nos dias de hoje.
Recomendo este livro à adolescentes, jovens, pais, conselheiros, psicólogos, e a quem mais pense e queira ajudar a nossa juventude, a encontrar os valores perdidos de família.


.....♫....


6 Comentários

Evana R. disse...

Oi, Adriana! Sua dica de livro veio numa hora bem oportuna, viu? Lembrei de uma pessoa muito próxima a mim, para quem esse livro vem bem a calhar. :)
Beijos

Karine Marinho disse...

Concordo plenamente com o que você falou! Os valores hoje estão completamente mudados que faz parecer que se você faz o que é certo isso te torna "errada", não ligo de ser careta. Não bebo, não gosto de multidões, prefiro conversar a dançar que nem uma louca, não saio "ficando" com meio mundo. E o melhor de tudo é que nada disso me faz menos feliz. Tenho que passar esse livro para algumas pessoas!

Beijos,K.
Girl Spoiled

Ká Guimaraes disse...

Parece legal este livro miga, vou ver se leio...

bjkssss

Adriana Brazil disse...

Evana: indica sim, vale muito a pena!

Kaká: é verdade o que disse, as pessoas se esqueceram dos valores. Realmente é melhor ser careta e antiquada, eu garanto.

Ká lê sim, ainda mais agora que está virando conselheira rs

bjuus meninas!

Nanda Meireles disse...

Amei as suas impressões, Dri.
São muito valiosas, ainda mais pela sua experiência com o trabalho com jovens.
Que essa postagem acerte diretamente os corações dos jovens que venham a ler esta postagem.
Beijos

Cíntia Mara disse...

Também vou participar do Book Tour que a Nanda está fazendo. O livro parece ser muito bom mesmo.

Eu tenho 24 anos e nunca namorei. É MUITO DIFÍCIL esperar, principalmente quando vejo as pessoas se casando ao meu redor. Mas tenho fé de que Deus tem o melhor pra mim.

Beijos

Inscreva-se e receba notícias

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Total de visualizações de página